22 de mar de 2014

Esta Noite


Onde estiveres, eu estou
Onde tu fores, eu vou
Se tu quiseres assim
Meu corpo é o teu mundo
E um beijo um segundo
És parte de mim

Para onde olhares, eu corro
Se me faltares, eu morro
Quando vieres, distante
Solto as amarras
E tocam guitarras
Por ti, como dantes

Agarra-me esta noite
Sente o tempo que eu perdi
Agarra-me esta noite
Que amanhã não estou aqui.
Agarra-me esta noite
Sente o tempo que eu perdi
Agarra-me esta noite
Que amanhã não estou aqui.

Um comentário:

Sol disse...

Sou apaixonada por seus poemas, e agora estou apaixonada por esse novo visual, minha vida! Qualquer coisa q eu diga vai ser pouco, pra expressar o qto és importante pra mim... Tu tens sido a poesia que me curas todos os dias um pouco.És a melodia do meu coração... Contigo não há dor que não passe, nem luta que eu não possa enxergar a vitória! Meus dias contigo são tão doces, qto seus poemas meu amor!!